Sejam bem-vindos ao Pop Creature. Tudo sobre cinema, música e games você encontra aqui!
Acompanhe-nos em nossas redes sociais

Não tô entendendo essa “quebra de estereótipos” toda…

Acabei de ler uma matéria sobre Zach Miko, o modelo “plus-size” de 26 anos que ~ SUPOSTAMENTE ~ está “destruindo estereótipos” por aí…

Primeiramente, queria falar pra vocês que a chamada da matéria que li sobre o modelo foi a seguinte: “Este modelo plus-size está DESTRUINDO estereótipos da beleza masculina.”

Agora, abaixo, coloco algumas imagens do modelo, para depois conversarmos um pouco mais sobre o assunto…

Nada contra, mas o cara é branco, tem olhos claros, é tatuado, tem 1,80 de altura, é morador de NY e barbudo… Basicamente o estereótipo de “homem perfeito” pra muitos por aí, inclusive na indústria da moda… Então me digam uma coisa, QUAL ESTEREÓTIPO ELE TÁ QUEBRANDO?

Conheço muitos outros modelos que, com muito mais, não tiveram toda essa repercussão nas redes sociais… Jaden Smith que, recentemente, foi escolhido como o novo rosto da coleção feminina – SIM, FEMININA! – da Louis Vuitton, e Andreja Pejic, que desde o início de sua carreira desfilou com roupas masculinas e femininas, não são tão comentados… E muita gente nem os conhece! Mas por quê? Simplesmente porque o mundo finge, mas não está preparado para quebrar paradigmas e estereótipos.

38cxn3rxiayhve8s6b15xog1b

E isso tudo só me faz lembrar de outras matérias que li recentemente sobre “Uma agência que chegou para mudar os padrões da moda brasileira”, que em suas fotos de divulgação exibem apenas dois jovens negros e todo o resto da trupe tem pele branca, cabelo liso, e são influenciadores nas redes sociais – mas que está dando passos para mudar o padrão de beleza imposto pelo mundo da moda; fora o caso da nova coleção da C&A “Tudo Lindo & Misturado”, que prometeu quebrar tabus e apoiar a moda sem gênero, mas continuou na mesmice dividindo roupas entre “masculino” e “feminino”. #MePoupe

Sem Título-1

São boas ideias, mas na hora do “vamos ver”, são mal executadas por MEDO da não aceitação e do preconceito… Até quando?

Se é pra fazer, vamos fazer direito, e não ficar tapando o sol com a peneira, né nom migas?

tumblr_mdt1xewJt61r2edti

Vamo dansá!

Escrito por Marcelo Rogério

Geek, carioca, idealizador do Pop Creature, amante de raposas e Lana Del Rey e colecionador assíduo - vulgo viciado - de blu-rays e Funko!